Sábado, 5 de Junho de 2004

*liçao de vida*

Um menino entra na lojinha de animais e pergunta o preço dos filhotes à venda.

- Entre 30 e 50 euros, respondeu o dono.

O menino puxou uns trocados do bolso e disse:

- Mas, eu só tenho 3 euros...

- Poderia ver os filhotes?

O dono da loja sorriu e chamou Lady, a mãe dos cachorrinhos, que veio correndo, seguida de cinco bolinhas de pêlo.

Um dos cachorrinhos vinha mais atrás, com dificuldade, mancando de forma visível.

O menino apontou aquele cachorrinho e perguntou:

- O que é que há com ele?

O dono da loja explicou que o veterinário tinha examinado e descoberto que ele tinha um problema na junta do quadril - mancaria e andaria devagar para sempre.

O menino se animou e disse com enorme alegria no olhar:

- Esse é o cachorrinho que eu quero comprar!

O dono da loja respondeu:

- Não, você não vai querer comprar esse.

Se quiser realmente ficar com ele, eu lhe dou de presente.

O menino emudeceu e, com os olhos marejados de lágrimas, olhou firme para o dono da loja e falou:

- Eu não quero que você o dê para mim.

Aquele cachorrinho vale tanto quanto qualquer um dos outros e eu vou pagar tudo.

Na verdade, eu lhe dou 3 euros agora e 50 centimos por mês, até completar o preço total.

Surpreso, o dono da loja contestou:

- Você não pode querer realmente comprar este cachorrinho.

Ele nunca vai poder correr, pular e brincar com você e com os outros cachorrinhos.

O menino ficou muito sério, acocorou-se e levantou lentamente a perna esquerda da calça,

deixando à mostra a prótese que usava para andar...

Olhou bem para o dono da loja e respondeu:

- Veja... não tenho uma perna...

Eu não corro muito bem e o cachorrinho vai precisar de alguém que entenda isso.

Às vezes desprezamos as pessoas com que convivemos todos os dias, por causa dos seus "defeitos", quando na verdade somos tão iguais ou pior do que elas.

Desconsideramos que essas mesmas pessoas precisam apenas de alguém que as compreendam e as amem, não pelo que elas poderiam fazer, mas pelo que realmente são.

Amar a todos é difícil, mas não impossível.


"Nunca saberei o suficiente de algo, para que em algum momento de minha vida deixe de ser um aprendiz"
publicado por guida-mr às 12:02
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De CarlaG a 5 de Junho de 2004 às 14:58
Olá,
Depois te teres passado pelo meu animeu-me para passar por cá. E o que li emocionou-me ... deixou-me com lágrimas nos olhos, mas fez-me pensar que há pessoas em muitos piores condições que eu.. Obrigada por me fazeres vir aqui e ter oportunidade de ler a história..
Beijos mil.....Carla


De elda a 5 de Junho de 2004 às 12:17
Miga ja conhecia essa historia mas quando a leio emociono-me como se fosse a primeira vez....é linda!


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
31


.posts recentes

. De volta

. o tomás

. o 1º casamento que o tomá...

. ...

. feliz natal

. ...

. TOMÁS JA NASCEU!!!!!!

. Tomás está quase nascendo...

. vale a pena ver ....

. 37 semanas e va va va toc...

.arquivos

. Maio 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds