Sexta-feira, 30 de Julho de 2004

* perguntas sem respostas *

3770.jpg

se amar nos faz sofrer..
então pk amamos tanto...
há tantas perguntas que...
gostava de saber a resposta...
se amamos alguêm pk a magoamos
ou entao se nao amamos pk dizemos k sim?..
será que alguêm que ame um dia deixa de amar
de um momento para o outro
sera que os momentos vividos nao permanencem..
para sempre dentro do coração de quem os viveu..
pk será que uma das pessoas pensa que por deixar
o tempo correr isso e ser inimigo da outra...
pk será que se trocam pessoas assim tipo objectos...
que deixamos de gostar de ter no sitio de sempre...
se alguêm souber algumas destas respostas:
gostava de saber a vossa opiniao ....
publicado por guida-mr às 17:04
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|
Quinta-feira, 29 de Julho de 2004

* ferias *

gb_81.jpg

Ai amigos nao tou a ver a hora de ir de ferias.
Faltam precisamen-te 4 dias para começaro descaço mas faltam 4 dias,
pk tirei o fim de semana hi hi hi.
ferias ferias ferias
jinhos muitos para voçes e já agora
BOM FIM DE SEMANA
publicado por guida-mr às 18:30
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Quarta-feira, 28 de Julho de 2004

* distancia *

distancia3[1].gif
publicado por guida-mr às 12:06
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Terça-feira, 27 de Julho de 2004

* viagem de comboio *

momentos.gif

“Há algum tempo atrás,
li um livro que comparava a vida a uma viagem de comboio.
Uma leitura extremamente interessante,
quando bem interpretada.
Isso mesmo,
a vida não passa de uma viagem de comboio,
cheia de embarques e desembarques,
alguns acidentes,
surpresas agradáveis em alguns embarques
e grandes tristezas em outros.
Quando nascemos,
entramos nesse comboio e nos deparamos com
algumas pessoas que julgamos que,
estarão sempre nessa viagem conosco:
nossos pais.
Infelizmente,
isso não é verdade;
em alguma estação eles descerão e nos deixarão
órfãos de seus carinhos,
amizade e companhia insubstituível.
...mas isso não impede que,
durante a viagem,
pessoas interessantes e que virão a ser
especiais para nós, embarquem.
Chegam nossos irmão,
amigos e amores maravilhosos.
Muitas pessoas tomam esse comboio apenas a passeio.
Outras encontrarão nessa viagem somente tristezas.
Ainda outros,
circularão pelo comboio prontos a ajudar a quem precisa.
Muitos descem e deixam saudades eternas,
outros tantos passam por ele de forma que,
quando desocupam seu lugar,
ninguém percebe.
Curioso é constatar que alguns passageiros que não são tão raros,
acomodam-se em vagões diferentes dos nossos;
portanto,
somos obrigados a fazer esse trajeto separados deles,
o que não impede,
é claro,
que durante o trajeto,
atravessemos até eles...
só que,
infelizmente,
jamais poderemos sentar ao seu lado,
pois já terá alguém ocupando aquele lugar.
Não importa,
é assim a viagem,
cheia de atropelos,
sonhos,
fantasias,
esperas,
despedidas...
porém,
jamais,
retornos.
Façamos essa viagem,
então,
da melhor maneira possível,
tentando nos relacionar bem com todos os passageiros,
procurando,
em cada um deles,
o que tiverem de melhor,
lembrando sempre,
que,
em algum momento do trajeto,
eles poderão fraquejar e,
provavelmente,
precisaremos entender .
Porque nós também fraquejaremos muitas vezes e,
com certeza,
haverá alguém que nos entenderá.
O grande mistério,
afinal,
é que jamais saberemos em qual paragem desceremos,
muito menos nossos companheiros,
nem mesmo aquele que está sentado ao nosso lado.
Eu fico pensando se quando descer desse comboio sentirei
saudades... acredito que sim.
separar-me de alguns amigos que fiz nele será,
no mínimo doloroso.
Deixar meus filhos continuarem a viagem sozinhos,
com certeza será muito triste,
mas agarro-me na esperança que em algum momento,
estarei na estação principal e terei a grande emoção
de vê-los chegar com uma bagagem que não tinham quando
embarcaram... o que vai deixar-me feliz,
só de pensar que eu colaborei para que ela tenha crescido
e se tornado valiosa.
Amigos,
façamos com que a nossa viagem nesse comboio seja tranqüila,
que tenha válido a pena e que,
quando chegar a hora de desembarcarmos,
o nosso lugar vazio traga saudades e boas recordações para
aqueles que prosseguirem a viagem.”

publicado por guida-mr às 13:02
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

* luz *

vagalume!!!.gif
publicado por guida-mr às 12:15
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Julho de 2004

* pais a arder *

3_LUSA.jpg

O que me custa ver assim zonas tao especiais e bonitas para mim arderem de um momento para outro.
será que existem pessoas assim tao más capazes de fazer estes horrores
Aqui fica a noticia.
Um incêndio que deflagrou cerca das 13h45 na Quinta da Rasca, perto da cimenteira da Secil, no Outão, está a destruir uma vasta zona de paisagem protegida no interior do Parque Natural da Arrábida. No alentejo, está um incêndio por circunscrever em Odemira.
Na serra de monchique por esta altura ainda estao frentes activas o meus sinceros agradecimen-tos aos bombeiros que lutam para recuperar o nosso pais...
publicado por guida-mr às 11:19
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

* desculpa *

176.jpg


Desculpa-me por todos os momentos que tornei nossa felicidade perturbada
Desculpa-me pelas horas tristes e ruins que tee fiz passar
Desculpa-me se em algum momento te fiz infeliz; porém sem querer
Desculpa-me se hoje já não te faço feliz como no primeiro momento em que vieste ate mim
Desculpa-me se, indiretamente, te impeço de alguma coisa
Desculpa-me, se te faço pensar de mim não só sentimentos bons
Desculpa-me se me preocupo demais contigo, exagero às vezes
Desculpa-me sim por alguns momentos duvidar dos seus sentimentos
Desculpa por tudo de mal e
Desculpa-me também pelos bens e felicidade que deixei de te proporcionar
Desculpa-me...

Apenas te amo demais; e amor pode significar medo...
Desculpa-me..

Do fundo do coração...
Mas te quero comigo eternamente
Te amo, para sempre, para sempre
publicado por guida-mr às 10:43
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 24 de Julho de 2004

* A historia do Beijo *

love07_jenny_bobby.jpg

Acredita-se que o beijo tenha surgido 500 anos antes de Cristo, época em que os amantes começaram a ser retratados nas esculturas e nos murais dos templos de Khajuraho, na Índia.

Na teoria da evolução das espécies, o inglês Charles Darwin (1809-1882), afirma que a origem desta carícia é mais antiga. Segundo este naturalista, trata-se de uma sofisticação das mordidelas que os macacos trocavam nos seus ritos pré-sexuais.

Há também a tese de que seria uma evolução das lambidelas que o homem pré-histórico dava no rosto dos companheiros para suprir a necessidade de sal do seu organismo. Ou um acto de amor das mães na época das cavernas. Sem utensílios para cortar os alimentos, as mulheres mastigavam a comida antes de a depositar na boca dos seus bebés.

Na Idade Média, era visto como uma forma de selar acordos. Com a boca fechada, os homens beijavam-se com firmeza. O toque leve demonstrava traição. Com o tempo, foi perdendo a força devido às pestes que dizimavam a população.

Para Sigmund Freud (1856-1938), o fundador da psicanálise, tudo tem a ver com as etapas do desenvolvimento psíquico. Freud começa pelo que chama de "fase oral" - o período, que dura até um ano de idade, em que a mãe dá de mamar ao bebé. Nesse período, todas as sensações de gratificação estão associadas à boca. A criança aprende que tocar com os lábios algum objecto macio proporciona uma sensação calmante e agradável.

publicado por guida-mr às 11:02
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 21 de Julho de 2004

* milagre *

2.bmp

ser mãe..
Milagre concedido, momento unico...
Vida que das a vida...
Que sofres por eu sofrer...
Que choras quando eu choro...
O amor mais puro e sincero...
Mãe?...
sim tu mãe!!...
Que tanto me dás que por vezes nem sei retribuir...
Que tanto lutas-te para me ver feliz..
Sentimento esse que ninguem comsegue ferir..
Que ninguem por mais maldade possa haver, nunca nos vai separar...
Desculpa os momentos que sem maldade te fiz chorar...
Agradeço-te aquilo que sou hoje fizes-te um belo trabalho...
Mãe?
Nunca me abandones...
Nunca me deixes...
Fica sempre junto ao meu coração...
Que por mais longe que esteja eu tenho a certeza que irei ser sempre a tua menina
Que essa menina tambem um dia irá ser mãe...
E ira fazer o mesmo trabalho que aprendi contigo
Adoro-te mãe

autor: eu mesma "guida"
publicado por guida-mr às 16:56
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Terça-feira, 20 de Julho de 2004

*asas para a vida*

LUAAA.jpg

Vem observar-me e faz o exame da minha mão, assim porque somos nós desconhecidos, quando nosso amor é forte porque continuas sem mim?
E sempre que eu tento voar caio, sem minhas asas eu sinto-me assim pequena eu sei que o que necessito sempre há em mim e o encontro em meus sonhos eu vejo tua cara,que é a sombra.
Eu faço para acreditar que tu estás aqui, é a única maneira que eu vejo claramente sempre que tento voar minhas asas quebram e tento reerguer de novo um voo mais leve .
sempre que te vejo em mim em meus sonhos tua cara, que assombra e que tenho a certeza que eu o necessito dela.
Eu posso ter-te feito a chorar por favor perdoa-me a minha fraqueza te tenha causado a dor de este sonho tao pesado.
Na noite se eu parar de sonhar tua face se desvanece e ai então afasto-me.
E sempre que eu voltar a sonhar, que as minhas asas comsigam manter-se abertas para mais um voo da vida....

autor: eu "guida"
publicado por guida-mr às 21:52
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
31


.posts recentes

. De volta

. o tomás

. o 1º casamento que o tomá...

. ...

. feliz natal

. ...

. TOMÁS JA NASCEU!!!!!!

. Tomás está quase nascendo...

. vale a pena ver ....

. 37 semanas e va va va toc...

.arquivos

. Maio 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds